top of page

Renan Otto

Renan Otto inicia de fato na fotografia em 2010 fotografando seu cotidiano no universo de movimentos urbanos, em 2011 ao conhecer o coletivo “Favela em Foco” começa documentar os impactos que as obras dos megaeventos causam sobretudo às favelas cariocas. Em 2012 inicia na Escola de Fotografia Popular, projeto criado pelo fotógrafo documentarista João Roberto Ripper no complexo de favelas da Maré que tem como objetivo o ensino da fotografia compartilhada, do bem querer e da fotografia como instrumento de ativismo.
Nascido em São Gonçalo-RJ, tem seu trabalho focado na luta pelo direito à cidade e à moradia, na beleza presente nos fazeres cotidianos e na resistência dos moradores de favelas, ocupações e periferias, além de registrar e incentivar festas e manifestações populares marginalizadas ou em risco de desaparecerem.

"Penso que a fotografia é um instrumento de transformação pessoal que mexe com o fotógrafo, com o fotografado e com o espectador. Essa troca de realidades cria uma ligação entre esses três personagens e mostra que fotografia não se faz sozinho, por mais solitário que o fotógrafo pense ser. A fotografia nos coloca no lugar do outro, nos faz enxergar o mundo por perspectivas diferentes e ajuda a compreender questões que, mesmo não estando diretamente ligadas a nós, influenciam nossas vidas. Não andamos sozinhos nesse mundo. Essa é a conexão que busco na minha fotografia: uma evolução coletiva. Luz não só pra mim, mas para todos nós."

Ottozine

Fotografias de Renan Otto

​Contato

(21) 98323-4207

bottom of page